Biscoitos de Alfazema


Sou daquelas pessoas para quem as bolachas e os biscoitos não têm estação. Bem sei que sabem melhor no Inverno, acompanhados de uma saborosa e reconfortante chávena de chá. Mas também gosto deles no Verão, ao mesmo tempo que me delicio com um aromático café. E o prazer de os fazer é imenso. Gosto de experimentar novos sabores, novas texturas, novas receitas e a sensação de encher o frasco das bolachas é tão agradável que é repetida várias vezes ao ano. E cada vez dou mais valor às bolachinhas e aos bolinhos caseiros, pois além de serem muito mais saudáveis e saborosos, podemos sempre dar-lhe o nosso toque pessoal.

Esta é uma receita simples, mas muito aromática. É um sabor que nunca tinha experimentado antes, mas que adorei provar. Estes biscoitos de alfazema deixam um aroma intenso enquanto cozem, perfumando a casa e deixando-nos ansiosos para que acabem de cozer e poder prová-los ainda quentes. A primeira fornada desapareceu num ápice e, acreditem, tive de repetir a dose.
A receita é uma adaptação das bolachas de alfazema da nossa querida Mafalda Pinto Leite. Há cerca de um mês a Mafalda partilhou a receita no Facebook e deixou-me bastante curioso com o sabor da alfazema nas bolachas. A única alteração que fiz à receita é que adicionei mais um pouco de farinha e fiz umas bolinhas maiores que resultaram nestes deliciosos e perfumados biscoitos.


Ingredientes:
| 100 gr. de manteiga sem sal, a temp. ambiente
| 80 gr. de açúcar fino
| 1 c. (chá) de essência de baunilha (Vahiné)
| 200 gr. de farinha sem fermento
| 1/2 c. (chá) de bicarbonato de sódio
| 1 c. (sopa) de flores de alfazema seca ou fresca

Método Tradicional:
Pré aqueça o forno a 150º. 
Forre um tabuleiro com papel vegetal e reserve.
Coloque a manteiga e o açúcar numa tigela, bata com uma batedeira durante 4 minutos até obter uma mistura fofa e cremosa. Adicione a baunilha e bata por mais 1 minuto.
Com uma faca pique o mais fino possível as flores de alfazema e misture com a farinha e o bicarbonato de sódio numa tigela média. Adicione à mistura de manteiga e bata delicadamente só até incorporar.
Com a massa, forme em 20 bolas pequenas e coloque no tabuleiro preparado.
Leve ao forno e coza por 15 minutos ou até os biscoitos começarem a ficar dourados. Retire do forno e deixe arrefecer.

Método Thermomix - Bimby
Pré aqueça o forno a 150º. 
Forre um tabuleiro com papel vegetal e reserve.
Com uma faca pique o mais fino possível as flores de alfazema e misture com a farinha e o bicarbonato de sódio. Reserve.
Coloque no copo a manteiga em pedaços e o açúcar e programe (2min/37ºC/vel1)
Junte a baunilha e bata programando (2min/vel4).
Adicione a mistura da farinha e programe (15seg/vel6).
Com a massa, forme em 20 bolas pequenas e coloque no tabuleiro preparado.
Leve ao forno e coza por 15 minutos ou até os biscoitos começarem a ficar dourados. Retire do forno e deixe arrefecer.






22 comentários:

  1. Oh que lindos biscoitos, Célio! Imagino o seu sabor porque nunca utilizei alfazema em culinária e agora fiquei curiosa :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  2. Adorei os biscoitos e as fotos ;)

    ResponderEliminar
  3. Fiz à tempo umas bolachas de alfazema e gostei imenso, vou experimentar os teus biscoitos.
    Um beijo e boa semana

    ResponderEliminar
  4. Hummmmmmmm...que aroma gostoso!
    As fotos estão maravilhosas e a receita nota 10!
    Eu amo fazer biscoitos em todas as estações, adoro encher os vidros
    p/ acompanhar um chá ou café quentinho, rsrs.

    Bjs, ótima semana!

    ResponderEliminar
  5. Olá, Célio.
    Nunca usei alfazema, mas tenho essa curiosidade.
    Há um bolinho da Rachel Allen que ando tentada a fazer...
    Onde compraste a alfazema? Tem que ser especial para uso em culinária, certo?
    Devem ser óptimas, essas bolachas!
    Beijinho

    Sílvia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Silvia!
      Eu também andava intrigado com o sabor da alfazema na comida e tinha receio pelo seu sabor intenso. Mas, se usada com moderação fica deliciosa.
      Esta alfazema, ou lavanda, como também é conhecida, trouxe do Alentejo. Apanhei-a no meio do campo, pois é frequente encontrar. Também existe à venda em casas de plantas. E não existe uma alfazema especial para uso culinário, a alfazema é uma erva aromática, tal como o alecrim e pode ser consumida, pois não é venenosa ;)
      Beijinho.

      Eliminar
  6. Adoro alfazema, ia adorar estes biscoitos de certeza!
    Beijinhos e boa semana

    ResponderEliminar
  7. Fiquei cheia de vontade de provar! que lindas!!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  8. Olá Célio, que lindas bolachinhas! Nunca provei alfazema, mas gosto muito do cheirinho. Tenho um vaso já com algumas flores, qualquer dia experimento.
    Bjinhos

    ResponderEliminar
  9. Já fiz esses biscoitos e adoro, assim que os vi no livro da Mafalda marquei para fazer e foram um sucesso.
    Como te disse no FB Célio alfazema é o que não falta em casa e todos os anos seco para depois usar, mas tenho que andar sempre em cima dela pois o meu pai está sempre aparar!
    Ficaram tão lindas e perfeitas, são mesmo muito boas, que vontade de as fazer.

    beijinhos

    ResponderEliminar
  10. E a minha alfazema aguarda pacientemente o dia em que vai ser usada... o tempo realmente não chega para tantos projectos.
    Que biscoitinhos tão amorosos, Célio, e as fotografias... LINDAS!
    Esta já é minha ;-)
    Beijinhos
    Cláudia

    ResponderEliminar
  11. Já há algum tempo que espero ansiosamente que minha alfazema dê flor, mas ainda está um pouco atrasada. Também tenho em vista experimentar uns biscoitos e um bolo. Já provei biscoitos de alfazema feitos por uma amiga e sei que são deliciosos. Por isso compreendo que tenhas feito uma segunda fornada!
    Concordo contigo quando dizes que os biscoitos, bolos e bolachas caseiras têm muito mais sabor e, além disso, podemos fazer as combinações que mais gostamos...
    Apresentação notável como sempre... gosto do fundo mármore... :)

    ResponderEliminar
  12. Adoro usar alfazema em sobremesas, que lindos e aromáticos estes teus biscoitos

    ResponderEliminar
  13. Nunca experimentei usar a alfazema na comida. Em tempos andei à procura de um frasquinho da Margão nos supermercados mas não consegui encontrar. Esta tua receita e as fotos lindíssimas voltaram a despertar a vontade de ir atrás da alfazema :)

    ResponderEliminar
  14. Os biscoitos devem ser deliciosos e diferentes, Célio, mas as fotos.... Meus Deus, esmeraste-te na produção! Estão dignas de um profissional, parabéns!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  15. Fiquei mesmo curiosa para experimentar estes biscoitos! :) Devem ser mesmo uma delícia e diferentes do que estamos habituados! As fotos, como sempre, lindas!

    Beijinhos e bom resto de semana,
    http://www.madamexicaras.com/

    ResponderEliminar
  16. Devem ser maravilhosos! Tenho que esperar a minha alfazema florescer! :)

    ResponderEliminar
  17. Olá Célio, confesso que já tinha vindo cá espreitar, e fico sempre maravilhada.

    O cheirinho na cozinha deve de ficar maravilhoso, deve de ficar um cheirinho que se fechamos os olhos conseguimos imaginar um campo.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  18. Está tudo muito giro Célio, muitos parabéns pelas fotos e quanto à alfazema... hmm não sou fan do cheiro, do sabor não sei nunca provei nada! beijos

    ResponderEliminar
  19. Ótima receita, aspecto maravilhoso e fotos belíssimas!

    Abraços,
    www.montealegrerefrigeracao.com

    ResponderEliminar
  20. Olá,

    Descobri o blog mesmo por acaso! Estou rendida à boa aparência destas bolachinhas... Nunca experimentei alfazema em bolos e estou tentada a experimentar.

    Parabéns pelas fotos!

    ResponderEliminar