Panquecas de Alfarroba


Por vezes as circunstâncias da vida obrigam-nos a desacelerar. Há a necessidade de parar de planear o futuro, parar de nos preocuparmos com tudo e mais alguma coisa, parar de tomar decisões e apenas deixar a vida acontecer. Nem sempre os astros estão alinhados a nosso favor e por mais que se queira, o universo conspira contra nós. Seja por excesso de trabalho, o que pode levar a um cansaço extremo ou por estarmos constantemente a ser bombardeados com informação desnecessária ou simplesmente porque alguém que nos é muito querido adoece de forma inesperada. Foi isto que aconteceu nos primeiros dias de Agosto, um mês que fica marcado de forma menos positiva, com horas passadas entre urgências e hospitais, consultas e muitas preocupações. Um episódio inesperado, que não passou de um grande susto, agora controlado, mas que poderia ter terminado de uma forma menos feliz. É a vida a sussurrar-nos ao ouvido, dizendo que há a necessidade de abrandar, viver mais cada momento, apreciar as pequenas coisas e estar mais perto daqueles que amamos. 


Enquanto isso, o verão corre em passos acelerados. Agosto está quase a terminar e lá ao fundo já se vislumbram as tão desejadas férias. Mal posso esperar por rumar ao meu querido sul, aos sítios onde me sinto verdadeiramente feliz, às pessoas que me fazem sentir bem. Anseio pelas caminhadas até à praia, pelos longos passeios à beira mar, de pés descalços. Pelo azul do céu que se funde com o mar, por mais mergulhos na água salgada e pelos pores-do-sol mais lindos que Setembro tem para oferecer. Pelos sabores das terras do sul, pelas frutas e os cheiros dos mercados. Por dias tranquilos, sem horários e responsabilidades.

Até lá abrando um pouco e vou saboreando ao máximo cada momento, agradecendo sempre por tudo o que tenho, pelas oportunidades e pelas pessoas boas que me rodeiam. Vou adoptando cada vez mais um estilo de vida slowliving e saboreando as manhãs, quando posso, com pequenos almoços mais nutritivos e demorados. Não dispenso as minhas tigelas cheias de fruta, com granola e manteiga de amendoim. Mas havendo tempo, umas panquecas são sempre uma boa opção. Para saborear devagar, sem pressas.  Basta uma mão cheia de bons ingredientes e uma receita bem simples como esta que transcrevo mais abaixo. Escolhi a alfarroba por ser um sabor que adoro, que me traz tão boas memórias do sul e que faz destas umas panquecas diferentes, nutritivas e bem gulosas. Para simplificar, usei a Farinha de Trigo e Alfarroba da Nacional, uma marca centenária e inovadora que quase dispensa apresentações. Esta farinha, que foi desenvolvida para todos os usos culinários, já vem misturada e nas proporções certas. Asseguro que podemos fazer com ela um pão delicioso, mas também serve para fazer bolos, tartes, bolachas, biscoitos ou panquecas. Combina a vagem da alfarroba e a espiga do trigo, conferindo um sabor único e adocicado às nossas receitas. 








Panquecas de Alfarroba

Ingredientes:
| 150 g de Farinha de Trigo e Alfarroba da Nacional
| 1 c. (café) de bicarbonato de sódio
| 1 c. (sopa) de açúcar amarelo
| 1 ovo
| 150 ml de bebida vegetal de aveia
| 40 ml de óleo vegetal
| crème fraîche para servir (opcional)                                  
| nozes picadas q.b.
| frutos vermelhos q.b
| mel

Preparação:
1 . Numa taça junte a farinha, o bicarbonato o açúcar e misture. Adicione o ovo, a bebida vegetal, o óleo e misture bem durante alguns segundos com uma vara de arames, até a massa ficar uniforme.

2 . Leve ao lume uma frigideira pequena, de preferência anti-aderente, deixe-a aquecer e unte-a com um fio de óleo vegetal. Use uma concha e verta uma porção de massa, deixando cozinhar de ambos os lados, virando com uma espátula e até a panqueca ficar douradinha. Retire e repita a operação com a restante massa.

3 . Sirva as panquecas ainda mornas com 1 c. (sopa) de crème fraîche, frutos vermelhos a gosto, nozes picadas e um fio de mel.







Lanches Saudáveis Para a Praia e Piqueniques


Verão é sinónimo de muitos passeios em família, de longas caminhadas à beira mar, sentir a areia quente nos pés descalços, de mergulhos no mar salgado, de petiscos e também de férias. As minhas ainda estão longe mas aproveitam-se todos os tempos livres para tirar o melhor partido destes dias mais quentes e luminosos. É tempo de matar saudades dos amigos que vemos apenas duas vezes por ano e também da família que está longe e que regressa ao nosso país para uns merecidos dias de descanso. Verão tem cheiro de sol e de mar, de bailaricos e festas populares. Somos tão mais felizes nesta altura do ano, não acham?! 


Estes dias convidam a sair de casa, aproveitar ao máximo o ar livre, estar em contacto permanente com a Natureza e sempre acompanhados daqueles que mais gostamos e que nos fazem felizes. É a altura ideal para fazer aquele piquenique há tanto tempo planeado ou para passar um dia inteiro na praia, até o sol se perder no horizonte. Não queremos passar muito tempo na cozinha e as refeições querem-se simples, leves e muito saborosas. Elaboram-se algumas receitas práticas, prepara-se tudo de véspera e no dia é só pegar na cesta, juntar tudo lá dentro e partir para o destino. Já no local, imaginem o que será degustar uma fresca e deliciosa Salada no Frasco, preparada com um aromático e saboroso Hummus de Beterraba. Ou partilhar uns deliciosos Muffins de Ovo e Cogumelos ou umas Sandes Proteicas de Couve Roxa e Hummus. Estas são algumas sugestões de receitas que, desafiado pelo Alegro, apresento mais abaixo, que são perfeitas para levar para a praia ou para um piquenique. Muitas mais haverão, com certeza, mas estas posso garantir que são deliciosas e saudáveis, práticas e muito fáceis de preparar. Esta é apenas uma das vantagens de levarmos a nossa comida já feita de casa, mas no artigo que escrevi e que vos convido a ler na íntegra no site Alegro, podem conhecer outras vantagens e também sugestões dos melhores lanches saudáveis para levar a um passeio.




(artigo escrito em colaboração com o site Alegro)

Sugestões de Lanches Saudáveis Para a Praia e Piqueniques

O Verão acaba de chegar e com ele chega também a vontade de sair de casa e aproveitar estes dias longos com os amigos e a família. Termina mais um ano lectivo, iniciam-se as férias escolares e muitos de nós, adultos, gozamos também o nosso período de descanso. Muitos rumam ao litoral para aproveitar o sol e as belas praias. Outros preferem o interior e aproveitam a paz que a natureza tem para oferecer. Independentemente do destino, os lanches e piqueniques são sempre algo a ter em consideração e quanto mais práticos forem, melhor.

O Que Levar Para um Piquenique Saudável?!
O piquenique é um momento de descontracção e lazer para quem aprecia o ar livre e o contacto directo com a natureza. Seja num jardim próximo, num parque da cidade ou numa floresta mais distante, o importante é aproveitar os dias da melhor forma, criando memórias felizes. Nada como juntar a família e os amigos e tornar estes momentos ainda mais leves e saborosos, degustando uma  deliciosa refeição fora de casa, à sombra de uma árvore. É possível simplificar e tornar essa refeição mais prática e nutritiva, fazendo uma escolha alimentar inteligente e mantendo os hábitos alimentares saudáveis. 

Deve-se privilegiar alimentos mais leves e frescos, pelo que as saladas são sempre uma boa opção. A fruta deverá estar sempre presente assim como os sumos naturais e as sandes proteicas e nutritivas, preparadas em casa e baixas em calorias. E para enganar a fome, nada melhor que ter sempre à mão uma mistura de frutos secos.

Vantagens de Levarmos Lanches Saudáveis Para a Praia
Já na praia, o cenário muda de figura. As temperaturas aumentam assim como a desidratação corporal, pelo que é importante bebermos ainda mais água para mantermos o corpo hidratado. 

No que diz respeito à comida, o ideal é tentarmos resistir às tentações calóricas que se vendem nos areais e levarmos de casa os nossos próprios lanches saudáveis e rápidos de preparar. As vantagens são muitas e entre elas destaca-se o facto de (...)

(leiam o artigo completo aqui)





Receitas de Lanches Saudáveis
Partilho de seguida algumas sugestões de receitas práticas, saudáveis e deliciosas das quais destaco o Hummus de Beterraba que por ser versátil é ideal para usar nas sandes, nas saladas ou para comer assim simples, com uns palitos de cenoura ou pepino.

Hummus de Beterraba

Ingredientes:
| 300 g de grão-de-bico cozido
| 1 beterraba cozida
| sumo de 1/2 limão
| 1 dente de alho
| 1 fio de azeite                                           
| água q.b.
| 1 c. (sopa) de tahini
| 1/2 c. (chá) de cominhos em pó
| sal q.b.

Preparação:
Coloque todos os ingredientes num processador de alimentos e triture numa velocidade alta até obter uma pasta cremosa. Se necessário acrescente mais água e rectifique os temperos, voltando a triturar até atingir a consistência desejada. Sirva de imediato ou transfira para um recipiente e reserve no frigorífico durante 2 a 3 dias.


Muffins de Ovo, Cogumelos e Tomate Seco

Ingredientes: (receita para 12 muffins)
| 3 c. (sopa) de azeite
| 1 cebola roxa laminada
| 250 g de cogumelos laminados
| 1 dente de alho picado
| tomilho fresco q.b.
| 110 g de tomate seco, escorrido e picado
| sal e pimenta q.b.
| 1 cháv. de espinafres
| 8 ovos
| 1 c. (chá) de fermento
| noz moscada

Preparação:
1 . Pré-aqueça o forno a 180ºC. Unte bem com manteiga uma forma para 12 muffins.

2 . Leve uma frigideira ao lume com o azeite e a cebola. Deixe cozinhar até a cebola ficar translúcida. Adicione os cogumelos, o alho e o tomilho e salteie durante alguns minutos.

3 . Junte o tomate seco, misture e tempere com sal e pimenta. Por fim adicione os espinafres, salteie até que murchem e distribua a mistura pela forma

4 . Bata os ovos juntamente com o fermento e a noz moscada e verta sobre a mistura anterior.

5 . Leve ao forno durante 20 minutos ou até que os muffins comecem a ficar dourados.


Salada no Frasco 

Ingredientes:
| tomate cereja
| 1 maçã verde
| quinoa cozida
| espinafres
| grão-de-bico cozido
| queijo Feta
| hummus de beterraba
| amêndoas torradas
{para o vinagrete}
| 3 c. (sopa) de azeite
| sumo de 1/2 limão
| 1 pitada de sal
| 1 c. (chá) de mostarda em grão
| 1 c. (chá) de mel

Preparação:
1 . Prepare o vinagrete, colocando num frasco pequeno todos os ingredientes. Agite alguns segundos para emulsionar e coloque no frasco onde vai transportar a salada.

2 . Nesse mesmo frasco faça camadas com os ingredientes da salada, na ordem que preferir e com as quantidades desejadas. Na hora de servir transfira o conteúdo do frasco para um prato fundo ou, se preferir, coma directamente do frasco, agitando-o de forma a temperar todas as camadas.


Sandes Proteicas de Couve Roxa e Hummus de Beterraba

Ingredientes:
| pão proteico ou de cereais
| espinafres
| hummus de beterraba
| queijo Feta
| couve roxa em juliana

Preparação:
Abra o pão ao meio e em cada metade coloque, em camadas, uma pequena quantidade de todos os ingredientes. Tape com a outra metade do pão e sirva ou embrulhe para transportar.





Salada de Espirais Integrais, Feta e Morangos com Vinagrete de Morango


Julho caminha apressado e o Verão parece ainda nem ter chegado. Apesar das temperaturas mais altas, o tempo tem andado meio instável. Compete-nos a nós convidar o Verão para a mesa, com pratos frescos e coloridos, simples e cheios de sabor. As saladas são dos meus pratos de eleição nesta altura do ano.  São das refeições mais leves e frescas, menos calóricas e mais fáceis de preparar. Para além disso são versáteis, permitindo usar ingredientes sazonais, ricos em vitaminas e nutrientes essenciais. Podem ainda ser servidas como acompanhamento de outros pratos ou simplesmente como refeição principal. O segredo para uma boa salada, deliciosa e equilibrada, está no uso e na variedade dos ingredientes escolhidos. Nesta altura do ano costuma haver uma grande variedade de legumes e verduras, por isso estes são óptimos aliados para dar cor, sabor e textura aos nossos pratos. Também as ervas aromáticas são essenciais numa salada, trazendo aquele toque extra de frescura.


Nas minhas saladas gosto de variar e usar uma base mista de legumes e massas. Relativamente a estas dou sempre preferência às integrais, por serem ricas em nutrientes, garantindo assim uma alimentação equilibrada e mais saudável. As massas integrais são preparadas com os cereais na sua forma integral, preservando desta forma uma grande percentagem de nutrientes. Para esta salada escolhi os Espirais Integrais da Nacional, também conhecidos como Fusilli Integral. Estas são umas massas muito versáteis, que cozem em poucos minutos e que são óptimas, quer para a confecção de pratos principais quer para saladas. Para além disso podem ser cozinhadas com antecedência, nas chamadas meal prep, e usadas mais tarde na preparação das refeições. 

A Nacional é uma marca portuguesa que acompanha as novas tendências bem como os gostos e exigências dos seus consumidores. Porque "o que é Nacional é bom", esta marca apresenta uma enorme variedade de produtos inovadores, distribuídos por quatro deliciosas categorias - massas alimentícias, farinhas, cereais de pequeno-almoço e bolachas. Visitem o site e fiquem a conhecer todos estes produtos.







Salada de Espirais Integrais , Feta e Morangos com Vinagrete de Morango

Ingredientes:
| 1 chávena de morangos
| 150 g de folhas de espinafres
| 200 g de queijo Feta
| 100 g de nozes Pecan
| 50 g de sementes de girassol
{para o vinagrete}
| 1 chávena de morangos
| 3 c. (sopa) de azeite extra virgem                           
| 2 c. (sopa) de vinagre 
| 2 c. (sopa) de sumo de limão
| 1 c. (chá) de mel
| sal e pimenta qb

Preparação:
1 . Lave os morangos. Retire-lhes os pedúnculos, corte em metades e reserve.

2 . Leve um tacho com água ao lume e deixe levantar fervura. Coza os Espirais Integrais da Nacional de acordo com as instruções da embalagem. Escorra os espirais e deixe arrefecer.

3 . Numa saladeira larga coloque as folhas de espinafre, os espirais, o queijo Feta cortado em cubos ou esfarelado, os morangos, as nozes Pecan e as sementes de girassol. Misture todos os ingredientes e reserve.

4 . Prepare o vinagrete, colocando todos os ingredientes num processador e triturando durante alguns segundos. Prove o vinagrete e se necessário, ajuste os temperos.

5 .  Distribua a salada por pratos individuais e sirva com o vinagrete de morango.