Clafoutis de Cereja, Pistachio e Chocolate Negro


Estamos na tão esperada estação das cerejas! Esse fruto carnudo de cor vermelha e intensa que é adorada por tantas pessoas. E eu não sou excepção, esta é uma das minhas frutas preferidas do Verão. Não resisto a comprar as primeiras cerejas, logo nos finais de Maio, que mesmo não estando no seu auge de sabor, sempre dão para matar os desejos e reavivar as minhas memórias de infância, quando eu passava horas a colher as cerejas da cerejeira do meu avô. Era uma árvore grande, imponente e que todos os anos por esta altura ficava carregada de pequenos pontos vermelhos que, devido ao seu peso, faziam vergar os ramos. As primeiras cerejas eram sempre para os melros que, quais privilegiados, faziam sempre um grande festim por entre os ramos, lutando entre eles pela cereja mais madura. Mas a fruta era tanta que dava para todos. Lembro-me de trepar a árvore para tentar chegar aos ramos mais altos, onde as cerejas eram mais vermelhas e mais doces. E o que mais gostava era de comer as cerejas ali, directamente colhidas da árvore. Hoje a cerejeira já não existe, mas ficam as boas memórias.


Gosto de as comer ao natural, mergulhadas numa taça com água e gelo, mas todos os anos não resisto a experimentar uma nova receita com cerejas. Há aquelas que já fazem parte do menu e são repetidas todos os anos, como é o caso deste clafoutis clássico que já foi repetido tantas vezes e faz sempre sucesso. Mas por se tratar de um fruto versátil, também podemos fazer compota de cereja, gelados, tarteletes, pudins e até pastel de nata. Também os caroços e os pés de cereja podem ser aproveitados, sabiam?! Os primeiros para encher almofadas e os segundos para fazer chá. Por tudo isto, a cereja é sem dúvida um fruto rico e muito saboroso, só tenho pena que dure tão pouco tempo. Vamos então aproveitar ao máximo e tirar partido desta fruta deliciosa. Eu quero prolongar o sabor das cerejas por mais alguns meses, por isso vou preparar compota. Mas não resisti a fazer este delicioso clafoutis, receita que encontrei no livro "The Natural Baker" e que combina o sabor das cerejas com pedaços de chocolate negro e pistachios. Experimentem servir ainda morno, acompanhado de uma bola de gelado, natas batidas ou iogurte grego. Uma perfeição para terminar uma deliciosa refeição de Verão!


(prato de sobremesa da colecção Lisboa da Costa Nova)

Clafoutis de Cereja, Pistachio e Chocolate Negro
(receita adaptada do livro "The Natural Baker" de Henrietta Inman)

Ingredientes:
| 400 g de cerejas descaroçadas
| 2 c. (sopa) de Kirsch (opcional)
| 20 g de manteiga
| 2 ovos
| 20 g de açúcar mascavado + 3 c. (sopa)
| 1 c. (chá) de extrato de baunilha
| 2 c. (sopa) de farinha teff (ou espelta)
| 50 ml de leite
| 100 ml de natas
| 1 pitada de flor de sal
| 60 g de chocolate negro com 70% de cacau
| 40 g de pistachios

Preparação:
1 . Numa taça misture as cerejas descaroçadas (opcionalmente, se as cerejas forem grandes, corte-as em metades) com 2 c. (sopa) de açúcar mascavado e o licor Kirsch (opcional). Reserve.

2 . Ligue o forno a 180ºC. Unte com manteiga uma forma com 23 cm de diâmetro e polvilhe com  1 c. (sopa) açúcar mascavado, espalhando bem.

3 . Leve a manteiga a derreter ao lume, num tacho pequeno, e deixe ferver até atingir um tom dourado, mas sem deixar queimar.

4 . Numa taça bata os ovos juntamente com o açúcar mascavado e a baunilha até obter uma mistura cremosa. Adicione a farinha, incorpore e por fim junte o leite, as natas a flor de sal e a manteiga, misturando bem todos os ingredientes.

5 . À mistura anterior junte o chocolate, grosseiramente picado, os pistachios partidos em metades e as cerejas, bem como o sumo acumulado das mesmas. Verta o preparado na forma reservada.

6 . Leve ao forno por cerca de 20 minutos. Passado esse tempo, rode a forma e deixe cozinhar mais 10 minutos (este tempo pode variar, conforme o forno). Verifique que o clafoutis está cozinhado, inserindo uma faca ou um palito.

7 . Sirva ainda morno ou frio, decorado com frutos e acompanhado de uma bola de gelado ou natas batidas.

GuardarGuardarGuardar

4 comentários:

  1. Uau,...sem palavras,....as fotos estão lindas,...Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario
    https://www.instagram.com/marysolianimoreira/

    ResponderEliminar
  2. Olá Célio: adoro cerejas e esta sobremesa deve ser deliciosa. Há que aproveitar o tempo delas e, por isso, vou querer experimentar esta receita.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  3. Que combinação mais que perfeita juntar, cerejas, pistachos e chocolate num clafoutis deve ser simplesmente divinal, uma sobremesa que não resistia a comer e umas valentes fatias.

    Abraço.

    Blog - O Cantinho dos Gulosos

    ResponderEliminar
  4. Olá Célio,
    Este teu Clafoutis está uma verdadeira maravilha!
    Já cá tinha passado à procura da receita, pois fiquei encantada com a foto do instagram. Que bom que a publicaste!
    Vou levar a receita acompanhada desta bela fatia!
    As fotografias estão fabulosas, parabéns!
    Beijinhos e bom fim de semana,

    Paula G.

    ResponderEliminar